perguntas frequentes

BÁSICO

O QUE SÃO OS BALÕES DO PROJETO LOON?

O Projeto Loon é uma rede global de balões de altitude elevada. Os balões sobem da mesma forma que os balões meteorológicos até atingirem a estratosfera, onde flutuam a uma altitude de 20 km (65.000 pés), a uma distância segura em relação às altitudes utilizadas para aviação. Enquanto os balões de ar estouram após poucas horas de voo, os balões do Loon são feitos para sobrepressão, o que faz com que durem muito mais tempo. Os balões do Loon também são exclusivos porque podem usar o vento para viajar até onde for necessário, podem se coordenar com outros balões e por contarem com componentes eletrônicos totalmente alimentados por energia solar.

O PROJETO LOON É UM PROVEDOR DE INTERNET?

Não, todos os usuários finais se conectam por meio do Loon aos operadores de rede dos respectivos países que sejam parceiros do Projeto Loon. Os balões Loon atuam como torres de celular flutuantes, permitindo que empresas de telecomunicações locais estendam a cobertura para regiões que não são atendidas atualmente.

COMO FAÇO PARA RECEBER O SERVIÇO DE INTERNET DOS BALÕES?

No lançamento comercial, para acessar a Internet por meio do Projeto Loon, o usuário só precisará ter um cartão SIM do operador de rede móvel local que tenha parceria conosco e um smartphone compatível com LTE. O tráfego da Web que viaja pela rede do balão é retransmitido às estações em terra dos nossos parceiros locais de telecomunicações, onde ele se conecta à infraestrutura de Internet já existente.

ONDE O PROJETO LOON PLANEJA OFERECER ACESSO À INTERNET?

O foco do Projeto Loon é levar conectividade a áreas rurais e remotas. Estamos em discussão com empresas de telecomunicações e governos do mundo todo para oferecer uma solução que ajude a estender a conectividade da Internet a essas áreas não atendidas.

QUANDO O SERVIÇO DEVE SER DISPONIBILIZADO?

É muito cedo para dizer. Aprendemos muito com milhões de quilômetros de voos de teste e estamos usando esse aprendizado para refinar a tecnologia e melhorar o sistema Loon à medida que crescemos.

QUE MEDIDAS O PROJETO LOON ESTÁ TOMANDO PARA SER ECOLOGICAMENTE CORRETO?

Estamos tomando várias medidas para garantir que o Projeto Loon seja ecologicamente correto:

  • Estamos trabalhando de modo a direcionar todos os balões para pontos de coleta durante a descida. Dessa forma, podemos reutilizar, reciclar ou descartar as partes de maneira responsável.
  • Quando os balões não conseguem chegar a um desses pontos de coleta, enviamos nossa equipe de recuperação para coletá-los.
  • Os equipamentos dos nossos balões são totalmente movidos a energia solar.
  • Estamos trabalhando a fim de disponibilizar nossos dados sobre ventos estratosféricos para a comunidade científica ambiental de modo que seja possível utilizá-los para melhorar os modelos de tempo e clima.

EQUIPAMENTOS

QUAIS EQUIPAMENTOS DE COMUNICAÇÃO ESTÃO PRESENTES EM UM BALÃO?

Há dois transceptores de rádio principais em cada balão: uma estação de base LTE com ampla cobertura (ou “eNodeB”) e um link direcional de alta velocidade usado para fazer a conexão entre os balões e com a Internet.

QUAL É A VELOCIDADE DA INTERNET DOS BALÕES?

Em testes com usuários, observamos velocidades de Internet semelhantes às das redes LTE/4G atuais que muitas pessoas têm no smartphone.

QUANTAS PESSOAS PODEM SER BENEFICIADAS POR UM ÚNICO BALÃO?

Cada balão pode fornecer cobertura a uma área de aproximadamente 80 km de diâmetro no solo. Com nosso design atual, um único balão pode atender a milhares de assinantes.

EM 2013, O PROJETO LOON USOU WI-FI PARA TESTES NA NOVA ZELÂNDIA. O WI-FI AINDA ESTÁ SENDO USADO PARA CONECTAR OS USUÁRIOS AOS BALÕES?

Não, a tecnologia que conecta o usuário ao balão é LTE/4G. O Wi-Fi foi usado em uma iteração anterior dos experimentos do Loon. Desde meados de 2014 somente o LTE tem sido usado, permitindo que a conectividade seja entregue diretamente a smartphones, em parceria com operadoras de celular.

COMO É FEITA A PRESERVAÇÃO DA SEGURANÇA E INTEGRIDADE DOS DADOS TRANSMITIDOS PELA REDE LOON?

Os dados são criptografados automaticamente durante o trânsito na rede de balões. Após o lançamento comercial, faremos a integração com as principais redes de parceiros para que os dados transmitidos tenham, pelo menos, os mesmos níveis de criptografia e autenticação dessas redes.

QUAIS SÃO OS COMPONENTES ELETRÔNICOS DO BALÃO?

Além dos rádios especializados que fornecem serviço de Internet para os usuários em terra, os balões do Loon carregam instrumentos para monitorar o clima e as condições ambientais, bem como unidades de GPS para rastrear os padrões de voo e um transponder de aviação para informar a posição dos balões ao controle de tráfego aéreo. Os componentes eletrônicos são alimentados por painéis solares, e o excedente de energia é armazenado em baterias recarregáveis para que o serviço possa ser mantido durante a noite.

COMO OS BALÕES RECEBEM ENERGIA?

O equipamento dos balões é alimentado por meio de painéis solares durante o dia e por uma bateria recarregável durante a noite.

OS BALÕES TERÃO CÂMERAS OU FARÃO CAPTURAS DE IMAGENS DA TERRA?

Para voos de teste fora dos EUA, nunca há câmeras a bordo, e durante a produção nenhum dos nossos balões será equipado com câmeras. Em curto prazo e apenas em alguns voos de teste nos Estados Unidos, usamos câmeras para observar como os diversos componentes do balão funcionam em altitude elevada.

VOO

OS BALÕES SÃO ESTÁTICOS?

Não, os balões são carregados pelos ventos estratosféricos e estão constantemente em movimento. Ao prever os movimentos dos diferentes padrões de vento na estratosfera, nosso objetivo é garantir que, enquanto um balão voa com o vento, haja outro pronto para assumir seu lugar e continuar fornecendo conectividade ao solo.

QUAL É A ALTURA ATINGIDA PELOS BALÕES?

O voo ocorre na estratosfera, bem acima do tráfego aéreo comercial e dos fenômenos climáticos, a cerca de 18 a 23 km ou 60.000 a 75.000 pés.

POR QUANTO TEMPO UM BALÃO PERMANECE NO AR?

Estamos trabalhando na criação de um design de balão que possa durar mais de 100 dias por vez na estratosfera com segurança.

COMO VOCÊS LIDAM COM AS CONDIÇÕES EXTREMAS DA ESTRATOSFERA?

Situated on the edge of space, between 10 km and 60 km in altitude, the stratosphere presents unique engineering challenges: high in the stratosphere the air pressure is 1% that at sea level, and this thin atmosphere offers little protection from UV radiation and dramatic temperature swings. By carefully designing the balloon envelope to withstand these conditions, Project Loon is able to take advantage of the stratosphere's steady winds and remain well above weather events, wildlife, and airplanes.

COMO O MOVIMENTO DESSES BALÕES É CONTROLADO?

O posicionamento da frota Loon é ajustado e controlado em tempo real pelo Loon Mission Control, usando uma combinação de algoritmos de planejamento automático e supervisão humana.

COMO OS BALÕES DESCEM?

Quando um balão está pronto para ser retirado de serviço, o gás lift é liberado do balão, e o paraquedas é aberto automaticamente. A equipe do Projeto Loon rastreia a localização do balão usando GPS e trabalha diretamente com o controle de tráfego aéreo local para levar o balão com segurança ao solo em áreas pouco povoadas.

COMO OS BALÕES SÃO RECOLHIDOS APÓS A ATERRISSAGEM?

Nosso objetivo é descer os balões do Projeto Loon em áreas despovoadas e acessíveis. A equipe do Projeto Loon inclui especialistas em recuperação que rastreiam e recolhem os balões que aterrissam. Monitoramos nossos balões continuamente por meio de GPS e, enquanto trabalhamos em conjunto com o controle de tráfego aéreo para trazer os balões à terra, a equipe de recuperação segue para o local da aterrissagem para recolher o equipamento para reutilização e reciclagem.

HÁ RISCO DE AERONAVES ATINGIREM OS BALÕES?

Na altitude de flutuação, os balões Loon voam muito mais alto que os aviões a jato comerciais, flutuando bem acima das rotas deles. Cada balão é equipado com um transponder que pode transmitir constantemente a localização ao controle de tráfego aéreo local e a aviões com ADS-B durante todo o voo do balão. Quando os balões são lançados, durante o voo e quando aterrissam, sempre trabalhamos juntamente com o controle de tráfego aéreo local.

É POSSÍVEL VER OS BALÕES DO CHÃO?

Em certas condições climáticas, é possível ver os balões Loon do chão como um pequeno ponto branco no céu. Na maioria das vezes, é muito difícil vê-los a olho nu.

É NECESSÁRIO TER PERMISSÃO PARA SOLTAR ESSES BALÕES?

A legislação aplicável aos serviços de voo de balões de altitude elevada e aos serviços de telecomunicação difere de acordo com o país. Cumprimos todas as leis aplicáveis, conforme necessário.

O PROJETO LOON VOA INTERNACIONALMENTE?

O Loon trabalha com autoridades de aviação civil e prestadores de serviços de navegação aérea em todos os lugares onde voa. Também trabalhamos em cooperação com a ICAO (Organização da Aviação Civil Internacional, braço de aviação civil das Nações Unidas). A ICAO informou a conformidade do Loon com as normas internacionais de aviação aos 191 países integrantes da ONU, bem como o uso de um conjunto de padrões operacionais que pode ser usado internacionalmente.

EXISTEM OUTROS BALÕES COMO OS USADOS PELO PROJETO LOON?

Embora não seja exatamente igual, há um precedente para voos de balão em altitude elevada, com aproximadamente 70.000 balões meteorológicos lançados por ano. No entanto, quando os balões meteorológicos alcançam certa altura eles explodem, enquanto os balões do Projeto Loon são projetados para se manter em voo na estratosfera por mais de 100 dias por vez. Balões parecidos são usados por outras organizações para coletar dados ambientais e de outros tipos úteis para a comunidade científica, mas esta é a primeira vez que balões de longa duração desse tipo são usados com o objetivo de oferecer conectividade à Internet.

PARCEIROS

COM QUAIS EMPRESAS DE TELECOMUNICAÇÕES VOCÊS TÊM PARCERIA?

O Projeto Loon realizou testes de conectividade com a Vodafone na Nova Zelândia, a Telefônica no Brasil e a Telstra na Austrália. O Loon também tem um acordo de testes com a Telkomsel, Indosat e XL Axiata na Indonésia. Estamos abertos a parcerias com empresas de telecomunicações interessadas em estender a conectividade de Internet a áreas rurais e remotas nos respectivos países.

QUE TIPO DE ESPECTRO SERÁ USADO?

Firmamos acordos com as operadoras de celular parceiras para usar os respectivos espectros de LTE licenciados a fim de atender aos usuários finais, usando a rede de balões junto com a rede principal da operadora.

O LOON INTERFERE NAS REDES LTE?

O Projeto Loon trabalha em parceria com empresas de telecomunicações de cada país em que operamos para compartilhar e coordenar o uso do espectro da rede LTE. Após o lançamento comercial, a cobertura fornecida pelo Projeto Loon coexistirá com a cobertura de torre de celular do nosso operador de rede parceiro e não interferirá nesse sinal de qualquer forma.

TENHO INTERESSE EM FIRMAR UMA PARCERIA COM O PROJETO LOON. COMO POSSO PARTICIPAR?

Estamos buscando parceiros que compartilhem do nosso objetivo de levar conectividade a áreas rurais e remotas. Preencha este formulário, e entraremos em contato caso haja uma oportunidade para trabalharmos juntos. Nesse meio tempo, acompanhe os acontecimentos mais recentes relacionados ao Projeto Loon na nossa página do Google+.